Desenvolvimento sustentável de megacidades

Com tecnologias inovadoras, as megacidades brasileiras podem tornar-se mais ecológicas, aumentar a qualidade de vida dos seus habitantes e cortar custos – tudo ao mesmo tempo.

A América Latina é a região mais urbanizada no mundo em desenvolvimento. Por isso existe um grande potencial para um desenvolvimento sustentável em megacidades da América Latina. Aproximadamente 80% da população do Brasil (atualmente 196 milhões) vivem em cidades. Os centros urbanos mais densamente povoados são: São Paulo, com uma população de 20,3 milhões de habitantes, e Rio de Janeiro, com aproximadamente 11,4 milhões. Essa urbanização crescente está forçando as cidades no Brasil e em outros países a tornarem as suas infraestruturas mais eficientes e sustentáveis em áreas como fornecimento de eletricidade e smart grid, além de mobilidade e edifícios verdes. Por causa dos próximos grandes eventos, as soluções de segurança também estão se tornando cada vez mais importantes.

Na Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável (Rio+20) no Rio de Janeiro em junho de 2012, os participantes expressaram o seu compromisso com o desenvolvimento sustentável. Mais de 14.000 pessoas de todo o mundo visitaram as exibições no pavilhão do PNUMA (Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente). Ali, a Siemens organizou e participou de eventos paralelos e de conferência sobre liderança de pensamento. “O lema da Siemens na Rio+20 foi ‘Podemos agir agora’. O PNUMA dá apoio total a essa chamada para a ação”, disse Achim Steiner, Diretor Executivo do PNUMA e Sub-Secretário Geral das Nações Unidas. A Siemens lançou um projeto de reciclagem e educação ambiental na Lagoa Rodrigo de Freitas e apresentou as descobertas em um estudo pioneiro sobre como o Rio de Janeiro será de 2030 a 2040. Em uma exibição, a nossa empresa mostrou como a inovação apoia o desenvolvimento sustentável e no evento “Estudantes pela Sustentabilidade”, a Siemens reuniu equipes de estudantes de diferentes países para desenvolver a próxima geração de líderes em sustentabilidade.

  • Um modo de satisfazer a procura crescente por energia é produzir eletricidade usando a cana-de-açúcar

    Energia renovável para cidades sustentáveis

    As megacidades consomem muita energia elétrica. A produção de eletricidade usando a cana-de-açúcar pode satisfazer essa procura.

    Energia para megacidades
  • A rede elétrica inteligente do futuro

    A rede elétrica inteligente do futuro

    Para fornecer energia de modo confiável às cidades no futuro, a energia transportada deverá ser distribuída com inteligência e usada com eficiência. O nome da solução é a smart grid.

    Smart grid
  • O sistema de metrô de São Paulo transporta quatro milhões de passageiros diariamente.

    Mobilidade urbana eficiente

    O metrô de São Paulo transporta quatro milhões de passageiros por dia. Os sistemas de gerenciamento de trânsito e a expansão das redes de metrôs prometem ajudar a solucionar o congestionamento e a qualidade decrescente de vida nas áreas centrais das megacidades.

    Mobilidade
  • Soluções inteligentes para edifícios

    Edifícios cinzentos se tornam verdes

    Um edifício verde oferece um enorme potencial para a economia de energia e o desenvolvimento sustentável nas cidades. A automação de edifícios e o gerenciamento da iluminação como parte do edifício verde reduzem o consumo de energia sem prejudicar o conforto.

    Edifícios verdes
  • Infraestrutura urbana sustentável

    Infraestrutura sustentável:Melhoria da vida nas megacidades

    Os megaeventos que vão ocorrer ajudarão o Brasil a desenvolver infraestruturas sustentáveis nas cidades anfitriãs dos eventos.

    Infraestrutura sustentável

A Siemens é uma líder internacional em desenvolvimento sustentável de cidades e megacidades, com conceitos e soluções para energia, smart grid, mobilidade, edifício verde, sistema de segurança, e sistemas de saúde.

Uma variedade de iniciativas da Siemens promove ideias para o desenvolvimento sustentável de uma cidade verde. O Índice Verde de Cidades da América Latina, por exemplo, mostra o grau de sustentabilidade das cidades brasileiras hoje. São Paulo estabelece uma referência com emissão zero de CO2 gerada pelo consumo de energia. No Relatório Resumido do Índice de Cidades Verdes, o Rio de Janeiro está destacado como a cidade com a maior quantidade de área verde por pessoa apesar da sua grande densidade populacional típica das megacidades. E de acordo com o estudo "Pictures of the Future Rio 2030-2040", até 2030 o Rio poderá se tornar a capital latino-americana para negócios, turismo, e eixo de pesquisa e desenvolvimento de alta tecnologia.

Contato
  • Contato para desenvolvimento sustentável no Brasil
    Ricardo Kenzo Siemens Brasil Enviar uma mensagem
    28 Comment for Ricardo Kenzo on Sustainable Cities (BR/PT)
Fechar
Contato: fechar
Todos os campos são obrigatórios.

Seu pedido foi enviado com sucesso. Nosso especialista vai entrar em contato com você em breve.

Contato
Fechar
Fechar Para onde pretende ir?